Personalização do ensino: confira o que é e seus 5 maiores benefícios

Atualizado em

A evolução das estratégias pedagógicas proporciona uma percepção de que o modelo tradicional não consegue atender as necessidades individuais de aprendizagem. A personalização do ensino é uma alternativa eficaz para melhorar a compreensão e o engajamento dos alunos.

É preciso entender que a diversidade de perfil de cada aluno dificulta o estabelecimento de um padrão único de aprendizagem. Para facilitar esse processo, as instituições precisam pensar em algo personalizado para seus alunos, respeitando as individualidades e os ritmos diferentes que possam existir.

Neste artigo vamos entender o que é essa personalização e como ela funciona. Além disso, vamos mostrar quais são os principais benefícios da aprendizagem personalizada. Acompanhe a leitura!

O que é a personalização do ensino?

A personalização do ensino é uma proposta pedagógica que entende que a educação não deve ser padronizada, mas deve promover o desenvolvimento dos alunos de forma individual. Desse modo, o conteúdo deve considerar a necessidade e o interesse do aluno.

A aprendizagem personalizada compreende que os alunos não aprendem da mesma maneira. Isso acontece por inúmeros fatores, como características pessoais, interesses, conhecimentos prévios e culturas diferentes. Desse modo, cada aluno aprende de um jeito diferente e em um ritmo próprio.

Com essa abordagem, o aluno se torna protagonista do seu processo de aprendizado, podendo escolher qual caminho seguir. Respeitar o tempo do estudante faz com que ele se sinta seguro para se desenvolver, facilitando o processo de ensino. O comprometimento conquistado é um dos principais benefícios.

Essa proposta pedagógica tem sido cada vez mais adotada pelas instituições de ensino superior, graças aos inúmeros benefícios proporcionados aos alunos e, consequentemente, aos professores. As iniciativas que buscam facilidades para os discentes contribuem para o aprendizado mais eficiente e geram resultados importantes para o desenvolvimento individual de cada estudante.

O uso da tecnologia é uma das principais formas de proporcionar a personalização da aprendizagem. Por meio de atividades em um ambiente virtual de aprendizagem, alunos conseguem acelerar o estudo ou se concentrar em temas que apresentam mais dificuldade de compreensão.

Quais são os maiores benefícios de investir em uma educação personalizada?

Agora que você entendeu um pouco mais sobre o que é personalização de ensino, vamos ver quais são os maiores benefícios de investir nessa modalidade.

1. Adaptação às necessidades do aluno

O aluno consegue se adaptar melhor aos desafios da educação, fazendo com que qualquer dificuldade inicial seja substituída por algo que seja mais simples para ele. Isso significa que é possível promover um processo de aprendizagem que esteja de acordo com as necessidades dele.

Lembre-se que a personalização respeita o tempo e as características dos alunos. Exatamente por seguir esse princípio, a adaptação se torna mais simples e efetiva, proporcionando um desenvolvimento real de acordo com as características de cada aluno.

2. Flexibilidade do programa de estudos

Com um programa de personalização, o aluno não perde tempo com conteúdo que já domina apenas para permanecer junto aos colegas. A personalização permite dar menos ênfase a essas etapas e focar em desafios maiores para aprendizado, assim possibilita o avanço mais rápido para novos conteúdos.

É uma forma de oferecer autonomia para que o estudante possa escolher como será o seu caminho educacional, tendo a oportunidade de explorar seus pontos fortes e trabalhar para corrigir as áreas em que demonstra dificuldade.

3. Oportunidade de cada aluno progredir de acordo com seu ritmo

Como falado acima, cada aluno costuma ter o seu próprio ritmo de desenvolvimento, mas também há situações nas quais o estudante tem mais dificuldade em relação aos seus colegas. Dessa forma, alguns ficam para trás durante as aulas, enquanto outros perdem o interesse nos estudos pela falta de progresso.

Encontrar um ritmo que seja ideal para um grupo grande de estudantes é muito difícil, por isso é fundamental dar oportunidade para que os mais rápidos continuem evoluindo constantemente. Do mesmo modo, os mais lentos precisam que seu tempo seja respeitado, com reforço de conteúdos para que eles realmente aprendam.

4. Mais engajamento dos alunos

O engajamento dos alunos nos processos educacionais depende de vários fatores, como o interesse pelo tema, o relacionamento com os professores e a percepção de sua importância. 

É normal que aluno perca o interesse quando não está conseguindo acompanhar o conteúdo explanado, por isso a proposta pedagógica precisa considerar a necessidade de ensinar, não apenas transmitir conteúdos sem a validação de que a contraparte está realmente aprendendo. Assim, ele valoriza essa abordagem, o que gera mais engajamento e resultados melhores. Ao perceber que a instituição de ensino quer o crescimento individual de cada aluno, é normal que o esforço para aprender seja maior.

5. Melhoria do desempenho dos alunos

O resultado de uma proposta que respeite as individualidades dos alunos é a melhoria do desempenho. Isso acontece porque as adaptações são feitas para facilitar o processo de aprendizagem de cada um, fazendo com que os resultados sejam melhores.

A personalização consegue tirar o melhor de cada aluno, explorando seus pontos fortes e reforçando seus pontos fracos. Com o estudo sendo direcionado de forma correta, os estudantes conseguem crescer rapidamente e estabelecer hábitos saudáveis de desenvolvimento.

Como implementar a aprendizagem personalizada?

A implementação da aprendizagem personalizada em uma instituição requer mudanças e adaptações. Primeiramente, a equipe docente precisa estar preparada para esse modelo educacional, entendendo que todas as pessoas não são iguais.

É preciso pensar também em maneiras dinâmicas de avaliar a competência dos alunos, fugindo do que é feito convencionalmente. A adaptação às novas tecnologias faz parte desse processo, assim como a flexibilidade dos professores, que precisam aprender esse novo conceito.

Antes de começar a agir de forma personalizada, é imprescindível treinar os professores e conseguir o engajamento deles na proposta. Não é sábio propor uma mudança desse nível quando o professor ainda não entendeu o propósito e os benefícios que a personalização vai oferecer à instituição e aos alunos.

Os modelos de ensino híbrido e a personalização de ensino estão conectados, portanto é fundamental buscar tecnologias como ambientes virtuais de aprendizagem para que a proposta de aplicar diferentes avaliações e entregar diferentes conteúdos seja viabilizada com possibilidade de escala.

Neste artigo, entendemos o que é a personalização do ensino e como ela pode ser útil para as instituições. Os benefícios começam pela facilitação da aprendizagem dos alunos e vão até a melhoria do engajamento e retenção dos estudantes dentro da instituição. Com isso em mente, vale a pena buscar sistemas que facilitem essa transição e tornem o desenvolvimento dos estudantes mais completo.

Para quem deseja aprender, a partir de experiências reais, a aplicar o ensino híbrido e a personalização do ensino, a Fundação Lemann disponibilizou este curso gratuito na plataforma Coursera.

Gostou deste conteúdo? Aproveite e entenda também como motivar os alunos e melhorar o processo de aprendizagem!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.